• Notícias


    PCA da Sonangol E.P. participa de inauguração da escola Dom Damião Franklin no Palanca

    quarta-feira, 9 de Novembro de 2016
    Autor:


    ​A Presidente do Conselho de Administração da Sonangol E.P., Isabel dos Santos, participou hoje, quarta-feira (09), da cerimónia de inauguração da Escola do I e II Nível do Ensino Secundário nº 1.257, denominada Dom Damião Franklin (ex-Casa dos Rapazes), localizada no bairro Palanca, em Luanda, e cuja construção foi financiada pela petrolífera nacional, no âmbito da sua Política de Responsabilidade Social.

    No decorrer da cerimónia, a PCA, o Secretário de Estado para a Educação, Formação e Ensino Técnico Profissional, Narciso dos Santos Benedito, em representação do Ministro do sector, e o Arcebispo de Luanda, Dom Filomeno Vieira Dias, procederam, em conjunto, ao descerramento da placa de inauguração e ao consequente corte da fita.


    Estiveram também presentes ao acto, o Presidente da Comissão Executiva da Sonangol E.P., Paulino Jerónimo, os Administradores Manuel Lemos, Eunice de Carvalho, João dos Santos e César Paxi, Directores Corporativos da petrolífera nacional, assim como digníssimos representantes da igreja católica, entre os quais o Cardeal Dom Alexandre do Nascimento e o Bispo Auxiliar de Luanda, Dom Zeferino Zeca Martins. Ao nível do governo da província de Luanda, destaque para a presença da Vice Governadora para o sector Político e Social, Jovelina Imperial.

    No seu breve discurso, Isabel dos Santos realçou que a construção da escola Dom Damião Franklin representa um importante investimento do Estado Angolano feito através da Sonangol. Regozijou-se também pelo facto de lhe ter sido dada a oportunidade de participar da inauguração de tão importante empreendimento social, tendo considerado que a escola é um lugar para educar o homem no seu todo. A PCA enalteceu ainda o empenho de todos quantos participaram do projecto, incluindo o anterior  Conselho de Administração.

    Quanto ao Secretário de Estado da Educação, Formação e Ensino Técnico Profissional, o referido membro do governo afirmou que a construção da escola hoje inaugurada constitui um grande contributo ao desenvolvimento do país. Narciso Benedito disse esperar que a nova instituição escolar do Palanca seja um modelo no sector da Educação.

    Finalmente, o Arcebispo de Luanda, Dom Filomeno Vieira Dias, manifestou-se satisfeito com mais uma acção de âmbito social levada a cabo pela Sonangol. Acrescentou que a escola Dom Damião Franklin representa um benefício para todos quantos ali estudarem e trabalharem e, de um modo geral, para toda a comunidade do Palanca. 

    Refira-se que esta obra financiada pela Sonangol tem 19 salas de aula e 6 laboratórios para as mais diversas disciplinas, nomeadamente Informática, Física, Electricidade, Biologia/Química, Artes e Música. Com uma capacidade para 1.944 (mil novecentos e quarenta e quatro) alunos distribuídos pelos seus três turnos, a instituição, de dois pisos, tem igualmente todas as infra-estruturas de apoio necessárias para o seu normal funcionamento e vai proporcionar a criação de 227 (duzentos e vinte e sete) novos postos de trabalho, entre professores e pessoal administrativo e de serviços de apoio.

    De realçar que as excelentes condições existentes na escola, em termos de infra-estruturas internas e de equipamentos, vão certamente incentivar os jovens do bairro Palanca, em particular, a dedicarem-se mais aos estudos, o que pode contribuir significativamente para os desviar de eventuais comportamentos nocivos à sociedade.

    escola_dos_rapazes_site_big.jpg