• News


    COMUNICADO DE IMPRENSA: Sonangol e Total assinam Memorando de Entendimento e inauguram novo posto de abastecimento

    21 de dezembro de 2018
    Author:


    ​A Sonangol E.P. e a Total materializaram na manhã desta sexta feira, dia 21 de Dezembro, na sede da petrolífera angolana, em Luanda, o memorando de entendimento assinado em maio passado, com a assinatura de um acordo para a implementação de uma Join Venture entre as duas empresas.

    SNL_Total_memo_big_pic_01.jpg

    A referida parceria tem como finalidade o lançamento de uma rede de retalho para actuar no mercado de distribuição de produtos refinados e actividades conexas, com o objectivo de materializar a estratégia que foi delineada pelo governo, com a aprovação recentemente da lei da concorrência.

    Foram signatários do acordo, o Presidente do Conselho de Administração da Sonangol E.P, Carlos Saturnino e o Director para Africa e Médio Oriente do grupo Total, Stanistas Mittelman.
     
    SNL_Total_memo_big_pic_02.jpg

    Na sua breve intervenção, Carlos Saturnino felicitou e agradeceu o desempenho das equipas pelo esforço realizado e, desejou que esta iniciativa tenha um grande sucesso, para que no futuro possamos ter mais concorrência e melhoria da qualidade de serviços.
     
    Por sua vez, Stanistas Mittelman, realçou que o acordo hoje assinado é muito importante porque marca o inicio de uma nova actividade para a Total em Angola, que é a distribuição de combustível.
     
    Dando sequência ao programa e no âmbito do acordo firmado, foi inaugurado hoje, pela Presidente da Comissão Administrativa de Luanda, Maria Nelumba, o primeiro posto de abastecimento de combustível, situado no bairro São Paulo, em Luanda, com a marca Total. Inicialmente esta parceria terá uma rede de 45 (quarenta e cinco) Postos de Abastecimento espalhados por 11 (Onze) províncias do país.
     
    Participaram da cerimónia, os Administradores Executivos da Sonangol E.P., Membros das Comissões Executivas da Sonangol Distribuidora, da Sonangol Logística, da Sonagás, da Sonaref, da Sonangol Holdings, Gestores da Total Angola e Directores Corporativos.